Devagar e Sempre

Z308

A Transporte Ativo recentemente apresentou um plano de Zonas de velocidade máxima em 30km/h e para a Prefeitura do Rio e para a Secretaria de Transporte do Estado. A proposta foi muito bem recebida e tem se espalhado, sendo inclusive pensada para outras regiões da cidade e do estado.

A adoção de áreas seguras para o uso da bicicleta através de restrições amigáveis ao uso do carro particular com sistemas de ruas com velocidade reduzida à 30km/h e uso de bicicletas em ambas as direções já é adotado em muitas cidades européias.
Em ruas onde a velocidade já é baixa e já existe o trânsito de bicicletas, a demarcação destas áreas proporciona segurança para as bicicletas consequentemente aumentando seu uso na região. Além disso, o artigo 58 do CTB permite a circulação de bicicletas no sentido contrário aos carros desde que exista de sinalização específica.

Copacabana, Zona Sul do Rio, conta com um movimento intenso de bicicletas particulares e de empresas circulando diariamente.
Muitas das ruas secundárias em Copacabana já possuem o limite de velocidade em 40km/h hora, têm um trânsito razoavelmente tranquilo. Além disso, já existe um enorme número de ciclistas que cruzam em todas as direções por estas vias. Temos portanto as condições ideais para implementação de zonas com limite de velocidade de 30km/h.

O uso da bicicleta vem aumentando em toda a cidade e também em Copacabana, veículo ecologicamente correto que estrategicamente tem sido usado, cada vez mais, em várias cidades do mundo como parte das soluções para o transporte urbano é a melhor opção para distâncias de até 5 km.
Com o incentivo de áreas mais seguras para uso deste modal, a tendência é o aumento do uso e conseqüente melhoria para a saúde da população, e de toda a cidade. Além de uma melhor fluidez no trânsito motorizado na região.

Copacabana por sua fama mundial e grande visibilidade tem tudo para se tornar um exemplo a ser replicado em outros bairros e cidades. Ao formar uma rede para a circulação de bicicletas integrando o metrô e os bairros vizinhos, os ciclistas contarão com uma infra-estrutura convidativa que fará com que hajam mais bicicletas mais vezes pelas ruas.

Veja aqui a apresentação “Zona 30 em Copacabana“.

– Mais sobre Acalmia no Trânsito.
– Confira a Contagem de Ciclistas na ligação Lagoa-Copacabana.

Tags , , , , .Adicionar aos favoritos link permanente.

5 comentários para Devagar e Sempre

  1. Antonio Miranda diz:

    Zé Lobo,

    Parabéns, companheiro.
    Excelente proposta esta sua.

    O uso de vias com tráfego acalmado pelas bicicletas, para os mais diversos deslocamentos, é das propostas mais interessantes que conheço para garantir liberdade aos ciclistas.

    Você e muitos outros sabem como sou fã do “Traffic Calming” e mais ainda das ciclofaixas. Apenas defendo as ciclovias onde o volume do tráfego motorizado e a velocidade são de tal ordem que colocam em risco a segurança dos usuários mais frágeis do espaço público, pedestres e ciclistas. O resto a gente ajusta.

    Vou torcer de onde estiver para que as autoridades do Rio se sensibilizem com esta proposta da Transporte Ativo. Caso queira depoimento ou assinatura de adesão, pode colocar a minha e dizer que concordo e assino embaixo com louvor.

    Grande Abraço!
    Miranda

  2. Grande ideia Zé Lobo
    Passo diariamente por Seropédica e os quebra molas na rodovia Rio São Paulo antiga, fazem esta redução com extrema competência.Aflorando com extrema naturalidade o uso de bicicletas por todas as comunidades vizinhas a via.
    Volta a escala humana e o prazer de ir e vir sem traumas.
    Da gosto de ver crianças, velhos e adultos, usando de varias formas a bicicleta, próximos a carretas de 40 toneladas sem um único acidente em dez anos de minhas experiência propria, passando por ali.
    Um abraço
    Jorge Nazar

  3. Essas zonas funciona exclusivamente com a implementação de elementos que limitam de fato a velocidade como quebra-molas ou por simples sinalização? (que geralmente não funciona?). Essas ruas sem destinação parece ótima para fazer isso! Me mata de falar de bicycle boulevard de Portland aqui em Vitória que são parecidos com essas zonas 30 km/h… http://vitoria-sustentavel.blogspot.com.br/2011/10/bicycle-boulevard.html

Deixe uma resposta