Propostas para o Clima Urbano

DSC08112

A conferência da ONU sobre mudanças climáticas irá começar no dia 07 de dezembro em Copenhague. Até lá os países debatem entre si e internamente qual será o papel que irão se comprometer a assinar quando chegarem na Dinamarca. O Brasil por hora está comprometido com a redução do desmatamento da Amazônia, maior gerador de emissões do país. No entanto os compromissos a serem firmados podem colaborar para desenhar um futuro de prosperidade ambiental para os brasileiros.

O modelo de desenvolvimento do século XX já se mostrou fadado ao insucesso e as nações mais ricas do mundo já começaram a rever diversos conceitos. Todas as grandes capitais européias já estão refazendo o desenho de futuro urbano, e o uso da bicicleta naturalmente não para de crescer e ser incentivado. Nessa disputa informal entre as cidades, Amsterdã e Copenhague saíram a frente no planejamento cicloviário. Ambas redescobriram a bicicleta nos anos 1970 e hoje oferecem excelentes condições para que seus cidadãos possam pedalar para todos os lugares.

Reduzir as emissões de CO2 dentro das cidades é uma meta a ser debatida e que implicará diversos ganhos. No contexto urbano a queima de combustíveis fósseis mostra suas desvantagens comparativas de maneira mais clara. Natural portanto que o transporte público e o uso da bicicleta sejam prioridade absoluta. Reduzir o uso de derivados de petróleo no transporte urbano ajuda a reduzir as emissões globais de dióxido de carbono além de melhorar a qualidade do ar nas cidades.

As esferas locais, estaduais e o governo federal no Brasil tem nas metas de redução das emissões de carbono uma maneira de se alinharem ao futuro que já está sendo traçado. Os erros cometidos no século XX nas cidades mais ricas do planeta não precisam ser repetidos por nós para chegarmos a conclusão de que as melhores cidades do futuro serão aquelas em que todos podem ir e vir sem impactar negativamente o clima global, nem poluir o ar que respiram.

Mais cedo ou mais tarde o Brasil terá de se alinhar a “nova economia de baixo carbono” e o quanto antes for iniciada a transição, maiores serão os benefícios e menores os custos.

—-
Mais:
Política Estadual sobre Mudanças Climáticas (AM)
Política de Mudança do Clima no Município de São Paulo
Projeto de Lei da Política Estadual sobre Mudanças Climáticas (SP)
Rich cities: Don’t repeat our mistakes – Cop15.dk
Brasil não deve ter meta de emissão de CO2 – estadao.com.br

Abaixo um vídeo da Campanha TicTac sobre as cidades:

22 Pessoas, 2 Cachorros e o Clima from Leão Filmes on Vimeo.

Tags , , , , , .Adicionar aos favoritos link permanente.

Um comentário para Propostas para o Clima Urbano

  1. Deila diz:

    Por gentileza solicito a Equipe do Blog que por gentileza mande este artigo para o meu e-mail.
    a razão -- gostei e a intenção é de repassar a minha lista de E-mails e claro colocando de onde tirei o artigo.
    Nome do arquivo que gostei foi -- Proposta para o clima urbano

Deixe uma resposta